Business Talk

How to find a translator

Last updated: March/2021

Where to find a translator? Well, hello? What am I doing here?

To be fair, when I translate it is only into Brazilian Portuguese, which is my mother tongue. This is your first tip of the day. Professional translators just translate into their mother tongue. This is because only a native speaker can understand the subtle nuances of their language. Even if some translators have a near-native speaker level, there is always a little bit missing.

The exception to this is those lucky enough to have been raised in a bilingual environment.

I have compiled a list of websites where you can find professional translators. 

Let’s start:

  • Proz.com

Proz.com is where almost all translators in the world are. I dare to say is almost Facebook for translators.

This is a platform where translators have profiles, describing their specialisms, rate per word, CVs, availability, and experience. 

On the home page of the website, you can describe the language your document is written and in which language you want it translated.

Once you have found a translator that you think meets your criteria. You can contact them directly via email.

Alternatively, you can also post a job and wait for translators to contact you with a quote. There is no need for you to upload the document into the platform at this stage. However, give as much information as possible, so the translator can be more precise with the quotation.

As great as Proz.com sounds, for the first-time buyer it can be a bit overwhelming. There are a lot of freelancers and translation agencies. Some more serious than others, so do a little searching on the freelancer’s profile. Pay attention if it is completed and if it looks professional. 

A good way to check for credibility is the feedback area and WWA (Willingness to Work Again). 

  • Translation Associations

The translation industry is not regulated. You don’t need to pass a board exam to claim you are a translator.

That is why these associations were created. To give credibility to an unregulated profession. 

There are hundreds of translation associations around the world. You can just type Translation Associations in + add country to see all the ones available to you.

In the United States, the largest one would be the American Translators Association, ATA, in the UK the CIOL and ITI are great options.

To become a member of these associations the translators have to pass written exams that will evaluate their language skills, understanding of the source language, and writing of the target language.

Translators that pass these exams can use the certification seal and formal designation CT, DipTrans, MITI, and so on.

You can use these associations databases of translators to find a translator who will be perfect for your needs.

Not all translators use these associations as official members. Some decide to go into further studies and graduate from a BA, MA, or Ph.D. level in a language-related field. It’s just another route for getting qualified. Getting a MA in Translation was my career choice. Although the cost is quite high, I felt better prepared to face the world with an advanced degree. Besides, saying that you have a Masters degree is instantly recognizable in any field. It made sense to me to be my career path.

I do think these associations are incredible for empowering and assisting their members and their work is much valuable for all of us in the Translation Industry, associated with them or not.

  • Instagram

Can you believe it? It was just when I decided to open my Business Account on Instagram that I’ve noticed that there are so many translators on Instagram!

Some are networking professionally and expressing their thoughts about the Language Industry, others are taking pictures of cats and every single meal they had in the last 30 days.

Go to search and type “translator” and the language in which you want your document translated. You will most likely find many to choose from. Start a conversation with them, let them know what you need. I am sure they will be happy to assist you. If they can’t either because the document you want to be translated is not on their specialism or they are busy, they might have another colleague who will be able to translate it for you.

  • Facebook 

You can either use Facebook groups to ask for quotes, look for a translator’s business pages or simply write on the search the Language you want your document translated.

  • LinkedIn

The same idea goes for LinkedIn, type the language you need and a plethora of translators and agencies will appear.

You can narrow your search down by looking for people, location, groups, and companies. 

The good thing about LinkedIn is that you can check your translator’s experience by looking at their profile. Take a few minutes to check if the translator’s experience matches with the document you need to be translated.

If you see in a profile saying “travel translator with 10 years of experience”, perhaps it would be a good idea to look for another one if you have a contract to translate.

You can contact your preferred translator either by connecting with them or send them a message requesting a quote.

As you can see, I have tried to add a couple of industry-specific sites and others that you might already be using but never thought about using to find a translator.

I hope this was helpful to you and if I haven’t said this enough, we are here to help you every step of the wa. If you have any questions about how to find a suitable translator, let me know. I’ll be happy to assist you.

We Believe in Partnerships 

Como encontrar um tradutor

Última atualização: Março/2021

Onde encontrar um tradutor? Ei? O que eu estou fazendo aqui?

Para ser sincera quando eu traduzo é apenas para o português brasileiro, que é minha língua materna. Esta é a sua primeira dica do dia. Tradutores profissionais apenas traduzem em sua língua materna. Isto porque somente um falante nativo pode entender as nuances sutis de seu idioma. Mesmo que alguns tradutores tenham um nível de falante quase nativo, sempre falta alguma coisa.

A exceção são aqueles que tiveram a sorte de ter sido criados em um ambiente bilíngue.

Eu compilei uma lista de websites onde você pode encontrar tradutores profissionais.

Vamos começar:

– Proz.com

Proz.com é onde estão quase todos os tradutores do mundo, é quase o Facebook para tradutores.

Esta é uma plataforma onde os tradutores tem perfis, descrevendo suas especialidades, taxa por palavra, currículos, disponibilidade e experiência.

Na página inicial do site, você pode descrever o idioma em que seu documento está escrito e em qual idioma você quer que ele seja traduzido.

Uma vez que você tenha encontrado um tradutor(a) que você acha que atende aos seus critérios. Você pode contatá-los diretamente via e-mail.

Em contra partida, você também pode anunciar um trabalho e esperar que os tradutores entrem em contato com você com um orçamento. Não há necessidade de você enviar o documento na plataforma nesta fase. Entretanto, forneça o máximo de informações possíveis, para que o tradutor possa lhe enviar um orçamento mais preciso.

Por melhor que o Proz.com soe, para um cliente de primeira viagem pode ser um pouco assustador. Há muitos freelancers e agências de tradução, algumas mais sérias do que outras, por isso faça uma pequena pesquisa sobre o perfil do freelancer. Preste atenção se o perfil está completo e se parece profissional.

Uma boa maneira de verificar a credibilidade é a área de feedback e a WWA (Willingness to Work Again).

– Associações de tradução

A indústria de tradução não é regulamentada. Você não precisa passar em um exame de admissão para afirmar que é um tradutor.

É por isso que estas associações foram criadas. Para dar credibilidade a uma profissão não regulamentada.

Existem centenas de associações de tradução em todo o mundo. Você pode simplesmente digitar Associações de Tradução em + adicionar o país para ver todas as que estão disponíveis para você.

Nos Estados Unidos, a maior seria a American Translators Association, ATA, no Reino Unido a CIOL e a ITI e no Brasil a Abrates todas são ótimas opções.

Para se tornar membro dessas associações, os tradutores têm que passar em exames escritos que avaliarão suas habilidades linguísticas, compreensão do idioma de origem e escrita do idioma de destino.

Os tradutores que passam nestes exames podem usar o selo de certificação e a designação formal CT, DipTrans, MITI, e assim por diante.

Você pode usar estes bancos de dados de associações de tradutores para encontrar um tradutor(a) que seja perfeito(a) para suas necessidades.

Nem todos os tradutores utilizam estas associações como membros oficiais. Alguns decidem fazer estudos adicionais e graduar-se em um nível de BA, MA ou Ph.D. em uma área relacionada a idiomas. É apenas mais um caminho para se qualificar. Fazer um mestrado em tradução foi a escolha que fiz para minha carreira. Embora o custo seja bastante alto, eu me senti mais bem preparada para enfrentar o mundo com um diploma mais avançado. Além disso, dizer que você tem um mestrado é imediatamente reconhecível em qualquer campo de trabalho. Fazia sentido para mim ser o caminho para minha carreira.

Acho que estas associações são incríveis para capacitar e ajudar seus membros e seu trabalho é muito valioso para todos nós na indústria da tradução, associados ou não a elas.

– Instagram

Dá para acreditar? Foi justamente quando decidi abrir minha conta comercial no Instagram que percebi a quantidade de tradutores lá!

Alguns usam a conta para trabalhar profissionalmente e expressando seus pensamentos sobre a indústria linguística, outros estão tirando fotos de gatos e de cada refeição que eles fizeram nos últimos 30 dias.

Digite “tradutor” e o idioma no qual você quer seu documento traduzido. Você provavelmente encontrará muitos para escolher. Converse com eles, diga o que você precisa. Tenho certeza que eles ficarão felizes em ajudá-lo(a). Se eles não puderem porque o documento que você deseja traduzir não está na especialidade deles ou estão ocupados, eles podem ter outro colega que poderá traduzi-lo para você.

– Facebook

Você pode usar grupos do Facebook para pedir orçamentos, procurar as páginas de negócios de um tradutor ou simplesmente escrever na busca o idioma que você deseja traduzir seu documento.

– LinkedIn

A mesma ideia vale para o LinkedIn, digite o idioma que você precisa e aparecerá uma infinidade de tradutores e agências.

Você pode restringir sua busca procurando por pessoas, localização, grupos e empresas.

O bom do LinkedIn é que você pode verificar a experiência de seu tradutor, observando seu perfil. Tire alguns minutos para verificar se a experiência do tradutor coincide com o documento que você precisa traduzir.

Se você vir em um perfil dizendo “tradutor(a) de turismo com 10 anos de experiência”, talvez fosse uma boa ideia procurar por outro(a) se você tiver um contrato para traduzir.

Você pode entrar em contato com seu tradutor(a) preferido(a) conectando-se com eles ou enviando-lhes uma mensagem solicitando um orçamento.

Como você pode ver, tentei adicionar alguns sites específicos da indústria e outros que você já pode estar usando, mas nunca pensou em usar para encontrar um tradutor.

Espero que isto tenha sido útil para você e se eu não tiver dito isto o suficiente, estamos aqui para ajudá-lo(a) a cada passo. Se você tiver alguma dúvida sobre como encontrar um tradutor(a) adequado, me mande um alô. Terei o maior prazer em ajudá-lo.

Acreditamos em parcerias

%d bloggers like this: